Sentada na Pia

Porque esse poderá ser o último recurso de um pai e uma mãe de primeira viagem na Coreia do Sul…

Bochechuda…

... e cabeluda, né? Tá na hora de tirar essa franja do meu olho!

04/04/2011 Posted by | Beatriz, fotinhas | 8 Comentários

O teste

Um dia desses, na sala de reabilitação do hospital da coluna, aqui em Seul:

– Agora sobre aqui nessa balança.

– Ok. Segura os pauzinhos?

– Não, ainda não. Agora não se mexe.

Bzzzzzzzzzzzzzzzbzzzzzzzzzzzzzzzzzbzzzzzzzzzzzzz

– Ok, agora segura os pauzinhos. E não se mexe.

Bzzzzzzzzzzzzzzzzbzzzzzzzzzzzzzzzzzzbzzzzzzzzzzzzzzzzzbzzzzzzzzzzzzzzzbzzzzzzz

– Ok, pode sair da balança. Vou imprimir o resultado. Senta lá na mesa que eu já vou.

Trrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr trrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr trrrrrrrrrrr trrrrrrrrrrrrr

– Olha, Selma, o resultado da sua impedância não está tão ruim. O condicionamento físico está bom, mas sua musculatura está desbalanceada.

– Desbalanceada? Você quer dizer que meu corpo está desproporcional?

– Hihihi (risada nervosa)… É, mais ou menos isso. A parte superior do seu corpo está super-forte. Alguma razão para isso?

– Ô, Dna Fisioterapeuta, cê se esqueceu que eu te disse que tenho uma filha de 2 anos?

– Ah, é…

– Que mais?

– Bom, e seu tronco e suas pernas estão dentro dos padrões, mas fora de balanço com seus braços, costas e ombros.

– E considerando que eu não tenho como diminuir minha parte superior, tenho que fortalecer o que está mais fraco, e ficar super-mega-forte-tudo-acima-dos-padrões?

– Sim. E tem mais uma coisa.

– Ai…

– O índice de cintura-quadril está bem ruim. Precisa diminuir muito. Está bem acima do limite superior.

– Ai…

***********************************

Chegando em casa, jogo no Google a droga do índice cintura-quadril. Descubro que meu índice está dentro dos padrões normais.

Para um homem.

Minha relação cintura-quadril atual é de um homem.

***********************************

Resolvi mandar um e-mail para a Madrasta Mãe-Natureza:

Prezada Mãe Natureza,

Tenho percebido que ultimamente meu corpo tem passado por transformações estranhas. Enquanto eu amamentava, a coisa estava muito melhor do que agora. Mas, de uns tempos para cá, ganhei um tronco superior digno de qualquer remador da Raia Olímpica da USP, e um pneu de caminhão na cintura.

Agradeço antecipadamente sua resposta e elucidação deste problema.

Sua Filha,

Selma

Essa Mãe Natureza deve ter um SAC gigantesco, porque a resposta veio rapidinho:

Querida Filha,

Entenda bem: meu trabalho com você está completo. Esqueça o corpo de violão. Você já procriou. Já pariu. Agora, se vira.

Com muito carinho daquela que te ama,

Mãe Natureza

***************************************

É impressão minha ou eu tô virando o meu pai?????

04/04/2011 Posted by | colcha de retalhos, Nervoso | 7 Comentários